Pioneira em geração distribuída de energia no setor de telecom, a TIM assinou contrato para colocar em operação, ainda em 2018, a primeira usina de biogás de resíduos sólidos urbanos com 5 MW de potência para autoconsumo remoto do Brasil. A planta irá atender 864 sites (antenas) na área de concessão da Eletropaulo, São Paulo capital. Com isso, a companhia será a primeira operadora do país a utilizar Biogás para gerar energia dentro de um grande centro urbano com objetivo de abastecer suas próprias instalações.

Até 2020, a TIM pretende atingir 60% de sua matriz energética proveniente de fontes de energia renovável, como solar, eólica, a biogás e Central Geradora Hidrelétrica (CGH), e que corresponderá a uma economia de até 22% no custo da energia.

Temos mais de 15 empresas envolvidas com os projetos, em âmbito nacional, o que representa um chamamento grande nesse setor. O ganho financeiro é secundário, a redução de custo é consequência do propósito maior, que é tornar a TIM uma empresa cada vez mais sustentável, utilizando energia de fontes renováveis e que não sejam oriundas do mercado cativo”, disse o VP de Recursos Corporativos da TIM Brasil, Bruno Gentil.