Em comemoração ao Novembro Negro, a Faculdade Baiana de Direito lança amanhã (08), a exposição “Corpo. Mente. Espírito”. O coquetel de lançamento acontecerá em dois horários, às 10h e 18 horas. A mostra reúne imagens pelas lentes de três fotógrafos baianos, Shai Andrade, Juh Almeida e Fafá. Com visitação gratuita, a abertura da exposição será na sede da instituição (Rua Visconde de Itaborahy 989, Amaralina).

 A exposição mostra imagens que retratam o cotidiano da identidade negra, provocando reflexão sobre a amortização do racismo e para motivação de mudanças sociais. O projeto tem intuito dar visibilidade aos artistas e oferecer aos alunos da Faculdade uma contemplação de obras fotográficas ricas em identidade negra, nas suas expressões e conceitos. A curadoria é assinada pela designer Salamanda.

“A exposição Corpo. Mente. Espírito  é um olhar para a existência pela existência negra, em linhas que buscam um purismo artístico pouco vivenciado. As fotografias partem da observação de três situações vitais do humano, o corpo como poder e experiência, a mente como força motriz da existência e o espírito, responsável pela resistência e libertação”, explica Verena Sales, coordenadora administrativa da Faculdade Baiana de Direito.