Em duelo entre times das duas pontas da tabela de classificação do Campeonato Brasileiro, o que está em cima se deu bem e o de baixo continua no desespero. Nesta quarta-feira, 7, no estádio Independência, em Belo Horizonte, pela 23.ª rodada, o Atlético Mineiro derrotou o Vitória por 2 a 1 e chegou a 42 pontos, dentro do G4. Já os baianos, com 26, seguem na luta contra o rebaixamento. O centroavante marcou duas vezes para os donos da casa e Kanu fez o dos visitantes.

Com vários desfalques, entre os quais o goleiro Victor, que se recupera de contusão, e o atacante Lucas Pratto, convocado para a seleção da Argentina, o Atlético fez a primeira tentativa no minuto inicial de jogo. Fábio Santos cruzou, mas Fred não alcançou a bola. O time da casa mandou uma bola no travessão aos 17 minutos, com Fred desviando de carrinho lançamento de Robinho pela esquerda. Sem um de seus melhores jogadores, o atacante Kieza, suspenso, o Vitória não ameaçava o gol adversário

No único lance de perigo da equipe baiana no primeiro tempo, Marinho, cara a cara com Giovanni, chutou em cima do goleiro atleticano, aos 36 minutos. O gol da equipe mineira aconteceu aos 46, com Fred empurrando para as redes depois de cruzamento da esquerda.

Também na etapa complementar, o Atlético chegou primeiro. Aos 3 minutos, Maicosuel cobrou escanteio, Edcarlos desviou de cabeça e o goleiro Fernando Miguel espalmou. O Vitória empatou aos 14 com Kanu, de cabeça, depois de falta cobrada por Diego Renan. Fred, de novo, colocou o Atlético na frente mais vez três minutos depois. Fábio Santos cruzou, o atacante dominou e marcou.

Aos 42 minutos, por pouco o Vitória não empatou. Serginho limpou a marcação dentro da área e chutou cruzado para fora. Robinho, lançado, perdeu gol sem goleiro aos 46, chutando para fora.

Pela 24.ª rodada, o time mineiro volta a campo nesta segunda-feira em partida contra o Fluminense, às 20 horas, no estádio Giulite Coutinho, em Mesquita (RJ). O Vitória joga contra o Flamengo, neste sábado, às 18h30, no estádio Barradão, em Salvador.