Depois de arrebatarem os prêmios IEL de Estágio, edição local e nacional, tendo concorrido com 33 empresas de diferentes segmentos no país, o Terminal de Contêineres do Porto de Salvador foi destaque também em outros dois prêmios nacionais que ressaltam o trabalho de gestão de pessoas e também de processos que fortalecem a segurança na operação de máquinas utilizadas no terminal.

Na categoria Inovação e Tecnologia do Prêmio Nacional em Gerenciamento de Segurança de Processo (PSM Award Brasil), uma iniciativa da RSE Consultoria, o trabalho premiado do Tecon Salvador é executado pelo setor de manutenção, e consiste, entre outros pontos relevantes, na antecipação de soluções que garantam uma operação eficiente, melhor rendimento dos equipamentos, mas, sobretudo, na prevenção de falhas que possam ocasionar acidentes, levando mais segurança para os operadores das máquinas e transeuntes. Entre as adequações feitas, por exemplo, é que, em caso de incidentes e falhas, os equipamentos são desligados automaticamente. O Tecon Salvador é o único terminal brasileiro a contar com essa tecnologia. Também participaram desta premiação, ocorrida no final de novembro, grandes organizações como a Braskem, Petrobrás, Dow, entre outras 27 empresas e instituições.

Já o 16º Prêmio Ser Humano, promovido no mesmo período pela Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH-Brasil), na qual o terminal baiano ficou entre as empresas com melhores práticas em Gestão de Pessoas e Desenvolvimento, o destaque foi o programa de supervisores desenvolvido pela empresa. O que chamou a atenção foi o caráter inovador, além do fato de ter sido adotado um modelo exclusivo e adaptado à realidade da empresa, e também a consistência do projeto – em execução há dois anos, incluindo todos os setores da empresa. Na Bahia, 24 empresas se inscreveram no prêmio.

Para Patrícia Iglesias, diretora comercial do Tecon Salvador, as premiações são o resultado de um trabalho feito em equipe, e que reflete muito a cultura da empresa, empenhada em buscar melhorias e de valorização do funcionário. “São três projetos que temos muito orgulho de por em prática. Eles somam dois pilares de grande importância para nós, a excelência em nossas operações e o desenvolvimento humano”, ressalta.