O Flerte Flamingo começou com um encontro de amigos que, com o desejo de produzir música, deram o pontapé para um projeto que já começa a colher frutos. O resultado são dois EPs produzidos e novidades que não param de surgir. O disco mais recente, que acaba de ser lançado, reflete o momento de amadurecimento musical dos jovens. Do início até agora, são três anos desde o primeiro encontro, mas apenas um ano e meio desde que começaram a respirar a música com mais intensidade.

O novo trabalho, que já está disponível em todas as plataformas digitais de streaming de áudio, traz faixas que mostram um passeio pelo universo da música brasileira, com influências do samba, samba reggae, pop rock; mas também com muitas referências estéticas de artistas nacionais e internacionais. “O Flerte começou de cara limpa, sem um objetivo específico; a não ser o de fazer o nosso som. Nossa premissa era fazer o autoral, com a gente trazendo composições e colocando nos ensaios. Esse início foi bem natural, sem pretender já começar como sendo algo de um gênero definido e o processo de identificação de estilo vem acontecendo também muito naturalmente”, conta Leonardo Passovi, vocalista.

O novo EP, batizado de “Postura e Água Fresca”, foi produzido por Paulinho Rocha, conta com a mixagem e masterização de Kesser Jones, do Estúdio Lagoa Grande e foi lançado pelo selo Satellite Music – selo que visa fomentar a cena musical independente em Salvador. Além do disco, que vem carimbar essa fase do grupo, o Flerte Flamingo já começou a mostrar seu talento pelos palcos de Salvador.