O Grupo Civil e a Barcino Esteve deram início nesta terça-feira, 09, às obras do empreendimento JAZZ, que irá gerar cerca de 140 empregos diretos e mais de 700 indiretos. Localizado na Avenida Princesa Isabel, com o melhor da Graça e da Barra, o edifício começa a ser construído no terreno que contemplava a tradicional sapataria Waldemar Calçados. No local será construindo um nicho com uma réplica de sapato Bicolor, em homenagem à história do sapateiro, que durante anos confeccionou sapatos de muitas celebridades como o Papa João Paulo II, Cid Moreira, Wanderléa e Chacrinha.

A previsão de entrega do JAZZ é de outubro de 2019. E o investimento no projeto é da ordem de R$ 26,6 milhões. O JAZZ contará com 16 pavimentos e apartamentos com 1 ou 2 suíte com lavabo, que proporcionará total liberdade e privacidade aos moradores. A fachada é inspirada em um piano, elemento musical fundamental do estilo em pauta.

Valorizando o conceito de Empreendimento Boutique, o JAZZ traz ao mercado baiano classe e modernidade em um só ambiente. O projeto arquitetônico leva a assinatura do premiado arquiteto Antonio Caramelo. Já a arquitetura de interiores é de responsabilidade de Aline Cangussú, que se inspirou na cidade berço do jazz, Nova Orleans.