As crianças de hoje são muito ligadas à internet e às novas tecnologias, e aprendem cada vez mais cedo a lidar com celulares e tablets, seja brincando com joguinhos, assistindo desenhos ou outras atividades.

Segundo estudo do Comitê Gestor da Internet no Brasil, 80% da população do país entre 9 e 17 anos utilizam a internet, sendo que 66% navegam por ela diariamente. O uso excessivo da rede e dos dispositivos tecnológicos é motivo de preocupação para muitos pais, e alguns buscam estabelecer um tempo limite diário para que as crianças e jovens naveguem na internet.

E se fosse possível encontrar um equilíbrio entre o tempo gasto na internet e as atividades artesanais voltadas para o público infantil? É exatamente essa a proposta do Caseirices Kids – maior canal no youtube de cultura maker infantil do mundo. Com mais de 2 milhões de inscritos, o canal faz sucesso entre  crianças de 7 a 13 anos, e mostra que é possível entreter os pequenos de forma lúdica e sustentável, promovendo um equilíbrio entre internet e atividades offline.

“Criei o canal há 4 anos, e nele ensino as crianças a fazerem miniaturas de objetos com massinhas caseiras, sucatas e objetos fáceis de encontrar em casa. Além dos tutoriais, também apresentamos historinhas, novelinhas e outras atividades lúdicas, que a criança aprende na internet, mas brinca fora dela. Dessa forma, incentivamos o equilíbrio entre o uso da rede e as brincadeiras artesanais, estimulando a criatividade infantil e a diversão longe da tecnologia”, comenta Lara Baptista, criadora do Caseirices Kids.

Diversão x aprendizado

Além de ser uma opção de diversão “offline” para as crianças, o canal amplia a formação intelectual do público infanto juvenil, por meio da narração de histórias infantis usando bonecas (os) como atores, e com um roteiro bastante atualizado, abordando temas que vão desde os mais leves até os mais polêmicos, como gravidez, igualdade de gêneros, etc.

“Embora a maioria sejam meninas, nosso público é formado também por meninos. Tanto que um dos vídeos, a História de Barbirela (versão atual de Cinderela com boneca) já registrou 13 milhões de acessos, de ambos os gêneros. Isso é positivo, pois a conscientização sobre esses temas deve atingir não apenas as meninas, como também os meninos”, diz Lara.

Acessórios para bonecas é o preferido da criançada

No canal, além das historinhas, Lara apresenta tutoriais em que ensina as crianças a transformarem itens descartáveis do dia a dia em acessórios divertidos – que podem ser desde uma simples esponja para lavar a louça até um tão sonhado castelo/casa para bonecos e bonecas.

“Diferentemente dos brinquedos comprados em lojas, a criança produz seus próprios brinquedos usando material reciclável. Assim, é possível produzir itens personalizados de acordo com o gosto de cada criança. Esse é outro grande atrativo do Caseirices Kids, além do canal proporcionar o equilíbrio entre passar tempo na internet e desenvolver as atividades artesanais”, explica a maker.

Entre os vídeos mais acessados do canal, estão:

Produtos de limpeza – mais de 4, 3 milhões de acessos em 8 meses- na maior parte dos casos, os seguidores se interessam por itens usados no dia a dia, como a limpeza e as atividades domésticas, que fazem parte do cotidiano. “Isso ocorre porque a maioria das crianças gostam de aproximar a realidade em que vivem às brincadeiras, pois pensam “se eu tenho, minha boneca também deveria ter””, comenta a youtuber.

Freezer de picolés –  2,1 milhões de acessos em 4 meses- o vídeo é um sucesso de audiência por conta do realismo e da simplicidade para criar o picolé, uma guloseima que a maioria das crianças adora consumir.