Os resultados do terceiro trimestre da TIM apresentam crescimento de receita em todas as frentes de negócio, confirmando a acertada estratégia da empresa na inovação das suas ofertas e no investimento em infraestrutura. A base de clientes continua em evolução, com quase dois milhões de adições líquidas no pós-pago em 2017. O segmento responde por 28% do total de usuários da empresa. Além disso, pelo sétimo trimestre consecutivo, a operadora registra aumento na receita média por usuário (ARPU), que cresce 11,4% em comparação com o mesmo período do ano passado. 

A receita líquida de serviços móveis expande 5,8% no terceiro trimestre, impulsionada pela receita de dados, que apresenta crescimento de 40,5% no comparativo anual. Já a receita líquida de serviços fixos e residenciais evolui 7,0% no mesmo período, sobretudo em decorrência do serviço TIM Live. Esse incremento de receita em todas as frentes resulta em um lucro líquido de  R$ 279 milhões, um aumento de 51,6% em relação ao 3T16, e no crescimento de 17,2% do EBITDA(1), que atinge a margem de 37,4%.