Um sábado de muita alegria, solidariedade e exclusivo para cuidar da saúde dos olhos. Assim será mais uma etapa do projeto “Olhar Solidário” que no próximo sábado, 23, a partir das 13h, reunirá, no Instituto de Olhos Freitas, aproximadamente 120 jovens, com a Síndrome de Down e deficiência intelectual entre 16 e 32 anos, atendidos no Centro de Formação e Acompanhamento (CEFAP), instituição coordenada pela APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais). E também, 12 crianças da Escola Providência, situada em Sussuarana, administrada pelas Irmãs da Providência, entidade sem fins lucrativos de apoio e cidadania

Neste dia, quem foi selecionado pela triagem, ocorrida no mês de agosto, passará por uma consulta completa visando prescrição de óculos e detecção de doenças oculares, se for o caso. Todos serão atendidos pelos oftalmologistas do Instituto de Olhos Freitas, voluntários da ação. Após a confirmação dos resultados e com receitas em mãos, os jovens terão oportunidade de escolher a sua armação dos óculos em um estande das Óticas Carol (Parceira do Projeto), montado no próprio Instituto. Em seguida, eles entregam a armação escolhida e a receita a um representante da empresa Varilux, também parceira do projeto, que fará a doação das lentes. Toda a ação é 100% gratuita.