Quem nunca se debruçou na janela e perdeu o olhar no horizonte? Como a arte imita a vida, a cena clássica que retrata uma mulher enamorada, com o olhar perdido e debruçada nas janelas das casas, também foi imortalizada pelo artesanato. Sua origem é retratada em Minas Gerais, mas as esculturas batizadas por “Namoradeiras” são produzidas em diferentes regiões do Brasil, inclusive na Bahia. Em Salvador, elas são o cartão de visita da Imperial Artesanato.

“Minha paixão pelo artesanato começou aos 14 anos, quando ajudava minha avó a fazer bonecas de garrafa pet. Hoje, eu faço as Namoradeiras em gesso. Uso várias espécies de tecidos em algodão”, conta a artesã Jackeline Imperial, 34 anos, que conferiu um toque baiano às suas criações.

Natual de Salvador, Jack está investindo em suas peças manuais como principal fonte de renda. Além das Namoradeiras, a artesã também possui uma linha de bonecas de pano e de biscuit, imagens religiosas, sandálias ornadas com tecidos, entre outros produtos.

Por enquanto, ainda não possui loja física.
SERVIÇO – Imperial Artesanato

(71) 99238-7562

Facebook: @imperialartesanato

OBS: Matéria veiculada simultaneamente em meu blog Dendê Criativo: www.dendecriativo.com.br