Além de missas e procissões para louvar os santos católicos, que, por terem estudado medicina, são considerados padroeiros dos médicos, farmacêuticos e das faculdades de medicina, o caruru (de origem africana) é a comida oferecida como forma de pagamento das promessas feitas para alcançar graças com a ajuda dos “Santos Meninos”.  Como também são considerados protetores das crianças, faz parte das oferendas a distribuição de balas e outros doces que agradam em cheio à meninada.

Confira a receita de Caruru do Chef Francisco Sales, Restaurante Perini

Ingredientes para a base:

4 cebolas brancas grandes

300 g de camarão seco

500 ml de leite de coco

1 copo de água

1 maço de coentro

50 g de gengibre

200g de castanha

200g de amendoim

 

Preparo da base:

Corte as cebolas em pedaços pequenos e também descasque e pique o gengibre. Bata tudo no liquidificador, até que triture bem os ingredientes e a base fique fina.

 

Ingredientes para o refogado:

5 dentes de alho

2 cebolas médias

3 tomates

80 quiabos

15 camarões secos sem cabeça e rabo

150 ml de azeite de dendê

Água

Azeite de oliva

Base preparada previamente

 

Preparo:

Pique os dentes de alho, as cebolas e os tomates, e refogue no azeite de oliva, sem deixar queimar. Junte o quiabo picado e, para que ele cozinhe e não fique ressecado, acrescente um pouco de água. Coloque na panela os camarões secos, para acrescentar sabor. Depois de cozinhar um pouco o quiabo, acrescente a base preparada previamente e misture bem, mexendo sempre. Por último, acrescente o azeite e mexa bem.

*Usar sal apenas se houver necessidade

Serve de 15 a 20 pessoas.